A IMPORTÂNCIA DO FAZER PEDAGÓGICO NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM É TEMA DE DISCUSSÂO ENTRE EDUCADORES DO MUNICÍPIO

CEI RAYMUNDO PYSMEL: Aconteceu na data na data de 30/05 no centro de Educação Infantil Professor Raymundo Pysmel, sob a orientação da secretária da Educação, Leila Corsaletti, a coordenadora Izilda Aparecida Timóteo dos Santos, professores e a psicopedagoga, Cláudia Soares Gargantini, promoveram uma ATPC dirigido à: “Interferência que o Educador faz sobre o processo de desenvolvimento e aprendizagem do aluno”.

A aprendizagem requer pré-requisitos desenvolvidos na infância. A aquisição dessas habilidades não se dá de forma espontânea, é necessário que a criança seja estimulada, de acordo com a fase de desenvolvimento em que se encontra.

Na intervenção o procedimento adotado interfere no processo com o objeto de compreende-lo, explicitá-lo ou corrigi-lo.

A Didática é o principal ramo de estudo da pedagogia, pois ela situa-se num conjunto de conhecimentos pedagógicos, investiga os fundamentos, as condições e os modos de realização da instrução e do ensino, portanto é considerada a ciência de ensinar. Nesse contexto, o professor tem como papel principal garantir uma relação didática entre ensino e aprendizagem através da arte de ensinar, pois ambos fazem parte de um mesmo processo.

A condição do processo de ensino requer uma clara e segura compreensão do processo de aprendizagem, ou seja, deseja entender como as pessoas aprendem e quais as condições que influenciam para esse aprendizado.Segundo a secretária da Pasta, a psicopedagoga já iniciou esse trabalho em todas as creches e escolas do município.

CEI EUGÊNIA AYRES DE LIMA:Realizado no ATPC do dia 13/06/2022, com a Psicopedagoga Claudia Soares Gargantini, juntamente com a Coordenadora Silvana Brito Corrêia eos professores, com o tema: “INCLUSÃO”.

“A escola é um espaço democrático, que deve estar aberto e preparado para receber todos os alunos. A Educação Infantil, fase inicial da formação acadêmica, representa o primeiro contato das crianças com esse universo repleto de aprendizados e novas descobertas. E a inclusão neste período é fundamental, pois além de todos os desafios que o pequeno terá ao iniciar a socialização, é preciso levar em conta que esse é um dos primeiros momentos em que o estudante estará longe dos olhares de sua família.A inclusão na Educação Infantil é uma ação social e cidadã muito importante, pois ajuda diretamente as crianças com necessidades especiais e também promove um aprendizado valiosíssimo para todos os alunos, que é o respeito às diferenças.

Trabalhar a inclusão na Educação Infantil é muito importante para que a criança se adapte ao ambiente escolar e possa dar sequência aos seus estudos no Ensino Fundamental sem maiores dificuldades. Para isso, gestores, educadores e toda a equipe pedagógica precisam estar engajados e preparados para oferecer todo o suporte e atenção que as crianças precisam”.

Nas fotos acima, o mesmo trabalho realizado da CEI PYSMEL e CEI EUGÊNIA.